O Cate - Inspiração DICA | Pintura de murais e paredes: um empreendimento para os artistas
23 de setembro de 2022
A foto é uma imagem. Um muro está pintado em tons de rosa, azul e branco, formando uma paisagem lúdica. Na calçada em frente ao muro estão latas de tinta e uma mulher, de costas para a câmera, segurando um pincel.

DICA | Pintura de murais e paredes: um empreendimento para os artistas

Uma das características mais marcantes da cidade de São Paulo é o grafite. Símbolo consolidado de arte e expressão cultural, a pintura em muros e paredes ganhou tanto reconhecimento que ultrapassou os limites da rua e hoje em dia é encontrada em restaurantes, escolas, condomínios, casas e muitos outros lugares.

Com isso, um novo mercado de trabalho se abriu para artistas, e existe espaço para todos os estilos e propostas. Isso é o que dizem as sócias do Núcleo Coluna, Lígia Tortella e Julia Bernardet. O projeto foi uma maneira que as artistas encontraram para empreender. Leia a entrevista e veja o que mais elas contam sobre a área.

Portal Cate: Como surgiu a ideia de fazer uma empresa especializada em desenhos artísticos para paredes? Vocês já faziam isso antes, como um hobby?

Núcleo Coluna: Nos conhecemos na época em que fazíamos faculdade de Artes Visuais, então já tínhamos uma proximidade com o assunto, mas começamos a pintar paredes com o nascimento do Núcleo Coluna. Esse projeto nasceu com o objetivo de empreender na área de desenho e pintura, oferecendo um serviço que permita cobrar um preço mais elevado, já que é considerado um serviço de decoração durável e personalizado.

Portal Cate: Quais são os potenciais clientes para esse tipo de negócio e como vocês os abordam?  Núcleo Coluna: Existem muitos nichos dentro do ramo de arte em parede, então é importante entender com qual público você quer falar. Na hora de descobrir o seu público-alvo, algumas perguntas devem ser feitas para si mesmo, como, por exemplo: A sua especialidade é fazer murais em residências ou empresas? Vai criar desenhos realistas, figurativos ou abstratos? Depois de entender melhor o seu estilo, começa o processo de pensar quem consome o que você oferece. Esse é o cliente para o qual você vai pensar sua comunicação.

Um meio de alcançar clientes é a presença nas redes sociais. Temos uma página no Instagram, Pinterest e TikTok. Mas também é importante não perder a oportunidade de apresentar seu trabalho para as pessoas, estar atento às pessoas à sua volta e perceber quando uma oportunidade aparece.

Portal Cate: Além das habilidades artísticas, quais outras habilidades é preciso ter para entrar nesse mercado de trabalho?  

Núcleo Coluna: É importante que você tenha a capacidade de se autopromover nas redes sociais e nos ambientes em que estiver inserido, já que conseguir espaços para fazer suas pinturas envolve ser notado.

Portal Cate: Geralmente procuram esse tipo de serviço para que sejam feitos trabalhos autorais ou os clientes pedem mais reproduções?

Núcleo Coluna: Algumas pessoas pedem reproduções, mas fazemos apenas trabalhos autorais. Utilizamos as imagens trazidas pelos clientes como referências para criar artes exclusivas e que conversem com nosso estilo pessoal.

Portal Cate: Qual é a média de valor que vocês cobram?

Núcleo Coluna: É difícil responder uma média, porque o quanto nós cobramos está diretamente relacionado com o tamanho da parede, da complexidade do desenho e da distância percorrida até o local. Para precificar seu trabalho, é necessário que você saiba quais são seus gastos e qual é a média de preço do produto no mercado.

 Portal Cate: Que dica vocês dariam para quem quer entrar nessa área?

Núcleo Coluna: O mercado existe! Há demanda, e o público ainda está se familiarizando com pintura em parede como produto. Mas é muito importante buscar o diferencial do seu trabalho, o que você pode oferecer que não seja mais do mesmo.

[Total: 1    Média: 1/5]

Comentários

Mais visto

Conteúdos Relacionados

Topo
0