O Cate - DICA I Começando um negócio em marcenaria: tudo que você precisa saber
11 de junho de 2024
A imagem é uma foto. Em uma marcenaria, vemos diversos itens de madeira espalhados ao fundo, ao lado de ripas encostadas na parede. No centro da foto, há uma mulher manuseando um móvel que está em cima de uma mesa ao lado de ferramentas de trabalho.

DICA I Começando um negócio em marcenaria: tudo que você precisa saber

Transformar as habilidades de marcenaria em um projeto de negócio é uma oportunidade de gerar renda e ainda estimular a criatividade criando acabamentos, estruturas personalizadas, itens decorativos e muito mais.

Para que tudo ocorra conforme planejado, é necessário estar por dentro de todos os detalhes que envolvem a função, os desafios e as possibilidades. Separamos tudo que você precisa saber antes de abrir um negócio de marcenaria. Acompanhe!

Do planejamento à execução

Antes de tudo, é importante lembrar que o trabalho de marcenaria passa por várias etapas, o que exige qualificação e experiência dos profissionais. Cursos, eventos profissionais e workshops são formas de ampliar a bagagem de quem trabalha na área e garantir maior segurança e qualidade nos serviços.

Desde a ideia até a realização de um projeto, o caminho passa pelo esboço de uma peça ou estrutura e, depois, parte para:

  • a escolha do material;
  • os trabalhos de corte;
  • o lixamento;
  • o furacão;
  • o acabamento;
  • a montagem;
  • a manutenção;
  • o conserto.

 

Dependendo do tipo de projeto, pode ser preciso embalar e transportar ou interpretar outros detalhes técnicos como plantas e desenhos estruturais.

Entenda seu projeto

Mas, afinal, com tantas tarefas para avaliar, como projetar o fluxo de trabalho de uma empresa que está surgindo agora? Para isso, é necessário entender o público e o produto que será oferecido.

A área de móveis planejados é um serviço bem comum para quem trabalha na área, mas exige maior personalização, uma vez que o produto é feito sob encomenda. Ou seja, a venda é realizada antes da produção, sendo necessário ter uma estrutura que dê conta dos mais variados projetos.

No caso dos produtos para pronta entrega, a produção é realizada antes da venda, e o cliente escolhe dentre as opções disponíveis no catálogo para fazer a compra. Nessa opção, surge outro requisito, que é a organização de estoque. O portal já deu dicas muito legais sobre público-alvo, organização de estoque e divulgação dos produtos (que é uma habilidade essencial em todos os casos):

Fotografia com celular: técnicas para fotografar produtos – CLIQUE AQUI

Dica | Entenda o que é persona e público-alvo de uma marca – CLIQUE AQUI

Dica | Organizando o estoque do seu negócio – CLIQUE AQUI

Sustentabilidade

Escolher o tipo de madeira que será utilizada em cada projeto é uma etapa que vai ser determinante para os fluxos de negócio. Um dos primeiros critérios é sempre comprar madeira que tenha a origem verificada, com certificação e legalização dos órgãos governamentais.

Outra preocupação é usar MDFs e compensados, que contêm menos madeira na composição, ou então apostar nos materiais recicláveis, como paletes, caixotes e restos de móveis.

Não se esqueça de regularizar o negócio! Assim como em outras atividades, a marcenaria exige o cadastro de CNPJ, seja como microempreendedor individual (com faturamento anual de até 81 mil reais), seja como microempresa (ME).

Estar regularizado e levar em conta práticas sustentáveis vai abrir oportunidades e ajudar a diminuir o impacto ambiental!

[Total: 0    Média: 0/5]

Comentários

Mais visto

Este curso te apoiará para participar de dinâmicas e entrevistas de emprego, ...

Conteúdos Relacionados

Topo
0